• Entre em contato conosco: +55 (11) 4111-1353
Acompanhe-nos!

São precisos 15 mil downloads/dia para ser top app na App Store Brasil

Como se diferenciar entre centenas de milhares de aplicativos disponíveis para as diferentes plataformas operacionais foi o tema do painel de abertura do 11º Tela Viva Móvel, o principal evento brasileiro voltado a conteúdos e aplicações para plataformas móveis, que acontece nesta quarta e quinta em São Paulo.

Para o sócio da Aorta Michel Lent, encontrar a relevância do aplicativo é o primeiro passo  para se destacar. Ele lembra que muitos dos downloads vêm a partir de recomendações de amigos, e por isso os apps devem ser bem construídos. “Nesse aspecto, o papel de curadoria desempenhado pelas lojas de aplicativos, de seleção e indicação de aplicativos concentrados em uma vitrine foi fundamental para restaurar a cadeia de valor dos conteúdos móveis”, comenta.

Anatel endurece as regras para envio de propaganda por SMS

A Anatel está preocupada com o envio de propagandas por mensagem de texto pelas operadoras móveis brasileiras. Em razão de muitas reclamações recebidas de consumidores, a agência decidiu endurecer as regras sobre essa prática e enviou recentemente um ofício sobre o tema para todas as teles móveis em atividade no País.

No documento, o órgão regulador exige que a autorização para recebimento dessas mensagens seja dada de forma consciente pelo assinante, constando de uma cláusula à parte nos contratos de adesão, marcada de maneira opcional pelo consumidor e por este assinada. "Isso precisa estar muito claro no contrato. O cliente precisa optar conscientemente", explicou um técnico da Anatel a MOBILE TIME. As medidas valem tanto para as propagandas da própria operadora quanto para aquelas de terceiros

GVT investe R$ 100 milhões e inicia operação em cinco municípios do Sudeste

A GVT anunciou nesta quarta-feira, 2, seu ingresso em mais cinco municípios da região Sudeste. São eles Santos e São Vicente (SP); Ipatinga e Governador Valadares (MG); e Colatina (ES). Juntas, essas cidades somam 1,3 milhão de habitantes, que terão acesso à oferta triple play de banda larga de (5 a 100 Mbps), TV por assinatura e planos customizados de telefonia fixa da operadora. A GVT anunciou também que está investindo pouco mais de R$ 100 milhões na implantação de uma rede de telecomunicações 100% digital nessas localidades. Com as novas operações, o número de cidades com cobertura da GVT no país chega agora a 124. Fonte: Teletime

Anatel diz que preços da licitação de 4G não se comparam à licitação de 3G

Os preços mínimos da licitação de 4G (R$ 3,8 bilhões) são equivalentes aos mínimos estabelecidos para a faixa de 3G em 2007 (R$ 2,7 bilhões) somado à banda H vendida em 2010 (R$ 1,1 bilhão). Mas, segundo Bruno Ramos, superintendente de serviços privados da Anatel, esta comparação não deve ser feita, pois as realidades são diferentes. Segundo o superintendente, na definição de preços da licitação de 4G o preço por MHz no Brasil está coerente com outros mercados, sobretudo nas cidades de maior poder aquisitivo. "No 3G estávamos vendendo menos espectro, da ordem de 50 MHz. Só por isso já não é possível comparar. Além disso, as obrigações desse edital tiveram uma ampliação significativa, e isso foi deduzido da precificação do edital. A comparação possível seria apenas nas grandes cidades", disse Ramos.