• Entre em contato conosco: +55 (11) 4111-1353
Acompanhe-nos!

Net cresce mais de 100 mil clientes em todos os serviços no segundo trimestre

A operadora de TV a cabo Net Serviços apresentou nesta terça, dia 20, seus resultados financeiros referentes ao segundo trimestre do ano. A operadora mostra que está voltando a acelerar o ritmo de vendas e cresceu mais de 100 mil assinantes em todos os serviços que oferece no semestre. No serviço de TV paga, a operadora chegou à marca de 3,883 milhões de clientes, o que representa 107 mil clientes a mais do que no final do primeiro trimestre e 12% a mais em comparação com o segundo trimestre de 2009. A taxa de churn anualizada da Net está em 15,2%, segundo o relatório e a receita média por usuário é de R$ 135,44. Na banda larga, a empresa chegou a 3,1 milhões de clientes no segundo trimestre deste ano, o que significa 102 mil novos clientes no trimestre e um crescimento de 19% em relação a junho de 2009. No serviço de telefonia fixa, a Net chegou a 2,765 milhões de assinantes, também 103 mil clientes a mais em relação ao primeiro trimestre e 21% na comparação anua

Portugal Telecom e Oi negam acordo

Em comunicados enviados aos órgãos de controle dos mercado de valores mobiliários dos seus países, Oi e Portugal Telecom negaram que tenham celebrado qualquer acordo ou préacordo para entrada da PT na Oi. Os comunicados desmentem notícia veiculada pelo jornal espanhol El Economista e pelo O Globo, segundo as quais haveria um précontrato para a entrada da PT na Oi. De acordo com as notícias, a PT teria pressa para fechar a venda da Vivo, uma vez que o préacordo teria validade até o fim do mês. O jornal O Globo diz ainda que a Telefónica estaria preparando uma nova oferta pela Vivo, de 7,5 bilhões de euros (a anteiror er ade 7,1 bilhões de euros). A apresentação da oferta só seria feita, de acordo com a reportagem de O Globo, quando a administração da PT assinasse um termo de compromisso para que a nova oferta seja aceita. Fonte: Teletime

Samsung lançará novo sistema com Linux em 2011

A Samsung pretende lançar um novo sistema operacional móvel baseado em Linux. Ele será diferente do LiMo e seu nome ainda não foi definido. A previsão é de que ele seja lançado no ano que vem. "O Linux demanda menos interação com provedores de OS e não requer pagamento de royalties. Para a Samsung, esse novo sistema será como o Bada, mas voltado para produtos premium", explica Diego Andrade, gerente de produtos de telecom da Samsung no Brasil. Atualmente, a Samsung trabalha com outros três sistemas operacionais: Android, Windows Mobile e o Bada, criado pela própria fabricante sul-coreana. A estreia mundial do Bada aconteceu em abril no smartphone Wave, considerado um aparelho top de linha. Todavia, a estratégia da Samsung é utilizar o Bada daqui para frente em smartphones de entrada, com preços mais acessíveis, pois esse sistema operacional funciona com processadores de 400 MHz, enquanto Android e Windows Mobile demandam pelo menos 600 MHz. Dois novos modelos com

Nokia Siemens comprará área de infraestrutura da Motorola por US$ 1,2 bi

e7f56718a89644c48009474c3c7d43d7A Nokia Siemens Networks (NSN) pagará US$ 1,2 bilhão pela aquisição da área de infraestrutura de redes sem fio da Motorola. O acordo foi anunciado nesta segunda-feira, 19, e a aquisição deve ser concluída até o fim do ano, dependendo ainda de aprovações regulatórias e de alguns detalhes finais. Pelo acordo, a NSN ficará com os ativos de GSM, CDMA, WCDMA, WiMAX e LTE da concorrente. A parte de infraestrutura iDEN ficou de fora do negócio e continuará sob controle da Motorola. O acordo inclui a transferência de 7,5 mil funcionários da Motorola para a NSN ao redor do mundo. Com a aquisição, a NSN se fortalecerá nos mercados norte-americano, japonês e chinês, onde a Motorola possui muitos contratos, dentre os quais merecem d

CPqD trabalha para desenvolver patentes em LTE

bfabe46850594a48908a2f3fbc0b4699O Brasil poderá ter patentes relacionadas a redes LTE (Long Term Evolution) no futuro. O CPqD iniciou este ano as pesquisas para desenvolver soluções para essa tecnologia, em um desmembramento do projeto começado há mais tempo com outros padrões de comunicação sem fio, como WiMAX e Wi-Mesh. O parceiro industrial é a WxBR e as pesquisas contam com verbas do Funttel e ajuda da Finep. Inicialmente, o CPqD realizou um levantamento do que há de mais novo em patentes de LTE e agora começa a desenvolver diversas linhas de pesquisa dentro dessa tecnologia, desde a camada física até terminais, incluindo estudos envolvendo a criação de algorítimos para a otimização de recursos de rádio. Se algum produto for desenvolvido, sua fabri

Anatel negocia indenização a operadores de MMDS para liberar faixa de 2,5 GHz

A Anatel está negociando com os operadores de MMDS uma nova solução para permitir a liberação do espectro de 2,5 GHz e evitar eventuais disputas judiciais no futuro. A proposta da agência que está sendo trabalhada, segundo apurou este noticiário junto a fontes da Anatel, envolve uma espécie de indenização ou compensação para os operadores que hoje ocupam a faixa. Esta indenização seria paga pelos futuros controladores da faixa de 2,5 GHz que venham a adquirir o espectro em futuros leilões. O cálculo da indenização seria baseado no tempo remanescente de uso das frequências por parte dos operadores de MMDS e no total de assinantes na faixa. As conversas estão evoluindo e esta semana foi realizada uma reunião importante sobre o tema envolvendo alguns dos conselheiros da Anatel e os detentores de licenças de MMDS. A Anatel também estuda licenciar aos atuais operadores de MMDS faixas mais altas, na casa dos 25 GHz e 35 GHz, como parte do plano de estímulo para a desocupaç

AT&T começa a oferecer femtocell a seus clientes nos EUA

A operadora de telefonia móvel norte-americana AT&T começou a oferecer a alguns clientes na semana passada um aparelho de femtocell gratuitamente. Segundo o site Engadget, trata-se de um teste de marketing que está sendo direcionado a clientes de maior poder aquisitivo. A carta endereçada pela AT&T informa seus clientes de que a oferta visa melhorar a cobertura do serviço de dados e voz dentro da residência do usuário. De qualquer maneria, pode ser um indicativo da estratégia que deve ser adotada pela operadora. Vale lembrar que a femtocell funciona como uma pequena ERB 3G, mas que precisa ser conectada à banda larga fixa do usuário. A AT&T é também provedora de banda larga e telefonia fixa. Fonte: Teletime